Lado B


                                                                  

                

"Bacana" não espera

 

Adeílson (nome fictício) mora na zona Leste de São Paulo. É pernambucano, mas chamam-no "Baiano" desde que chegou por aqui. Trabalha na zona Oeste da cidade, numa loja. É estoquista. Ganha "setecentos e poucos reais" por mês. Acorda às quatro da manhã todo dia. Espera pelo ônibus às vezes por uma hora. De vez em quando, o coletivo chega cheio e tem que esperar pelo próximo. Por isso levanta-se tão cedo. Depois que embarca, até tomar as três conduções que tem que tomar para chegar ao trabalho na hora (oito da manhã), esperou entre uma e duas horas pelo ônibus e viaja entre uma hora e meia e duas horas. Todos os dias, de segunda a sábado. Quando deixa o trabalho, muitas vezes só consegue chegar em casa pouco antes da hora em que precisa dormir para levantar tão cedo no dia seguinte. Chega, toma banho, janta e cai na cama. A mulher e os filhos freqüentemente já estão dormindo quando ele chega. Só tem algum tempo para ficar com a família no domingo, mas não muito, porque usa para dormir o único dia que tem totalmente livre. Dormir é um ato prosaico em nossas vidas, mas, para Adeílson, é um luxo...

 

Encontrei meu personagem na padaria aqui perto de casa. Sábado, sete e pouco da noite. A loja em que ele trabalha fica aqui perto e o conheço desde que trabalhamos juntos na mesma empresa, há cerca de 25 anos. Adeílson não progrediu muito desde então...

 

O encontrei na padaria tomando pinga. Seus olhos estavam injetados de sangue e álcool, mas havia algo mais neles. Um brilho que, mais próximo, constatei ser o prenúncio de lágrimas. Ele me estendeu a mão com um sorriso após me escutar dizendo seu nome, mas deixou perceber que foi arrancado de uma reflexão profunda. Os lábios apertados, arqueados para cima, formavam um arremedo de sorriso, mas notadamente revelavam o disfarce da amargura.

 



Escrito por Mara às 07h57
[ ] [ envie esta mensagem ]


    

Sentei-me ao lado de Adeílson. Perguntei-lhe como andava a vida e ele me revelou o cotidiano que narrei acima. Fiquei algum tempo em silêncio, bebericando uma dose de aguardente que pedi também para mim -em solidariedade ao meu amigo, porque odeio pinga. Então não resisti. Ouvindo sua história, mandei meus escrúpulos às favas e perguntei-lhe o que achava dos atrasos nos aeroportos, que estão sendo tratados pela mídia como calamidade pública nacional. Ele riu e tossiu ao mesmo tempo - ou talvez tenha engasgado. Então, tomando fôlego, pôs-se a falar, cheio de eloqüência.

 

-- Você sabe quando foi que andei  de avião [sic] alguma vez na minha vida? Nunca! Mas, pelo menos, TODO DIA espero o mesmo tempo que essa gente brava que tá aparecendo na TV. TODO DIA!. Eu e todo mundo que conheço do mesmo nível que eu. Mas a gente espera quietinho. Deve ser por isso que esperamos. Se a gente fizesse uma gritaria dessas, talvez as coisas melhorassem. Rico é que tá certo. Rico não quer esperar. Nem se for pra viajar com conforto, de avião, em vez de ir chacoalhando num buzão lotado, cheio de gente com desodorante vencido.

 

E não é isso mesmo? A elite diz: "Absurdo! Nem avião no horário podemos pegar mais!. Vamos perder aquele pacote pro Nordeste no feriado! É o fim! Uma vergonha! Caos! Crise Nacional! As Forças Armadas deveriam intervir! Esse Lula! Apedeuta! Sem-dedo! Cabeça-chata!".

 

Pois é, gente, "esse Lula"... Mas agora ele vai se ferrar. As dezenas de milhões de Adeilsons deste país estão preocupadíssimos com o "caos aéreo" que a mídia anda espalhando. Já posso até ver o sorriso nos lábios de cada um deles ao verem uns  "bacanas" experimentando seu sofrimento, mesmo que por um mísero feriado prolongado. Mas a alegria dos Adeílsons durará pouco. Nada como ter voz, vez e mídia para fazer suas reivindicações. Nada como um problema atingir os graúdos para ser rapidamente solucionado neste país de Deus. Mas, cuidado, gente: ao mostrarem aos Adeílsons brasileiros como é que se faz a coisa andar, podem estar incentivando-os a fazerem a mesma coisa. Só que o responsável pelo transporte dos Adeílsons das grandes cidades... não é Lula.

 

Eduardo Guimarães



Escrito por Mara às 07h54
[ ] [ envie esta mensagem ]


                     

DON´T LET ME BE MISUNDERSTOOD

 

A tarde que parece inatingível

Meu suspirar nervoso e quase insolente

Quando a cozinha é quase um pântano

Quando o coração ameaçar explodir no peito

Quando o seu nível de apreensão te levar a completa exaustão

Quando você brinca com frisbees pra passar o tempo

Quando o tempo ameaça não passar

Quando a música te levar pra um canto escuro atrás da cortina

Quando toda a tristeza derrubar a sua porta

E não há como dormir, não há como fugir

Quando saio na noite incendiando bares

Quando volto pra casa com a alma atormentada

Me sentindo o mais solitário e infeliz dos caras

 

Você saindo de dentro de um temporal

Com o sorriso mais bonito do mundo

    Mário Bortolotto



Escrito por Mara às 22h58
[ ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]
 
Histórico
18/04/2010 a 24/04/2010
10/01/2010 a 16/01/2010
06/12/2009 a 12/12/2009
01/11/2009 a 07/11/2009
11/10/2009 a 17/10/2009
09/08/2009 a 15/08/2009
12/07/2009 a 18/07/2009
05/07/2009 a 11/07/2009
28/06/2009 a 04/07/2009
14/06/2009 a 20/06/2009
22/03/2009 a 28/03/2009
30/11/2008 a 06/12/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
05/10/2008 a 11/10/2008
28/09/2008 a 04/10/2008
21/09/2008 a 27/09/2008
14/09/2008 a 20/09/2008
22/06/2008 a 28/06/2008
01/06/2008 a 07/06/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
18/05/2008 a 24/05/2008
11/05/2008 a 17/05/2008
04/05/2008 a 10/05/2008
27/04/2008 a 03/05/2008
20/04/2008 a 26/04/2008
13/04/2008 a 19/04/2008
06/04/2008 a 12/04/2008
30/03/2008 a 05/04/2008
09/03/2008 a 15/03/2008
02/03/2008 a 08/03/2008
24/02/2008 a 01/03/2008
17/02/2008 a 23/02/2008
03/02/2008 a 09/02/2008
27/01/2008 a 02/02/2008
20/01/2008 a 26/01/2008
13/01/2008 a 19/01/2008
06/01/2008 a 12/01/2008
30/12/2007 a 05/01/2008
23/12/2007 a 29/12/2007
04/11/2007 a 10/11/2007
21/10/2007 a 27/10/2007
14/10/2007 a 20/10/2007
19/08/2007 a 25/08/2007
05/08/2007 a 11/08/2007
22/07/2007 a 28/07/2007
15/07/2007 a 21/07/2007
01/07/2007 a 07/07/2007
20/05/2007 a 26/05/2007
24/12/2006 a 30/12/2006
17/12/2006 a 23/12/2006
03/12/2006 a 09/12/2006
26/11/2006 a 02/12/2006
12/11/2006 a 18/11/2006
05/11/2006 a 11/11/2006
29/10/2006 a 04/11/2006
01/10/2006 a 07/10/2006
24/09/2006 a 30/09/2006
17/09/2006 a 23/09/2006
10/09/2006 a 16/09/2006
13/08/2006 a 19/08/2006
06/08/2006 a 12/08/2006
16/07/2006 a 22/07/2006
09/07/2006 a 15/07/2006
25/06/2006 a 01/07/2006
11/06/2006 a 17/06/2006
14/05/2006 a 20/05/2006
07/05/2006 a 13/05/2006
30/04/2006 a 06/05/2006
02/04/2006 a 08/04/2006
26/03/2006 a 01/04/2006
19/03/2006 a 25/03/2006
12/03/2006 a 18/03/2006
05/03/2006 a 11/03/2006
26/02/2006 a 04/03/2006
19/02/2006 a 25/02/2006
12/02/2006 a 18/02/2006
05/02/2006 a 11/02/2006
29/01/2006 a 04/02/2006
22/01/2006 a 28/01/2006
08/01/2006 a 14/01/2006
01/01/2006 a 07/01/2006
25/12/2005 a 31/12/2005
18/12/2005 a 24/12/2005
11/12/2005 a 17/12/2005
04/12/2005 a 10/12/2005
27/11/2005 a 03/12/2005
20/11/2005 a 26/11/2005
13/11/2005 a 19/11/2005
06/11/2005 a 12/11/2005
30/10/2005 a 05/11/2005
23/10/2005 a 29/10/2005
16/10/2005 a 22/10/2005
09/10/2005 a 15/10/2005
02/10/2005 a 08/10/2005
25/09/2005 a 01/10/2005
18/09/2005 a 24/09/2005




Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis